Técnica potente para revolucionar sua forma de aprender – fusão de duas técnicas em um exercício – Mapas mentais e Brainstorming

Sabe aquela sensação de não conseguir memorizar depois de ter estudado muito? Bate um desespero, não é verdade?

Já tive essa sensação muitas vezes. E ao longo da minha jornada como professor e concurseiro descobri algumas técnicas que auxiliam nossa memória a funcionar com maior eficiência.

Uma dessas técnicas é o exercício de elaborar Mapas Mentais utilizando a técnica de Brainstorm.

O que são mapas mentais?

É um tipo de resumo esquematizado que trabalha, ao mesmo tempo, os três canais de aprendizagem. Foram elaborados pelo Inglês Tony Buzan, Psicólogo e Pesquisador.

 

Os Mapas Mentais são ótimos para facilitar a compreensão e dinamizar o estudo.

Trata-se de uma ferramenta para ilustrar ideias, ou seja, desenvolver imagens do conteúdo e interliga-las como se fosse um mapa de uma grande malha viária ou de um sistema venoso.

Você também pode usar sua imaginação para construir seus mapas de uma forma diferente.

Só lembrando, nosso cérebro registra todas as informações como pequenas imagens, por isso, os mapas mentais são tão eficientes para a aprendizagem eficaz dos conteúdos.

Mas não são meras ferramentas para decorar conteúdo, uma vez que decorar sem entender é uma enorme perda de tempo.

Exemplo Mapa Mental Art. 37 da Constituição Brasileira.

Prancheta 4ebook 23

O que é Brainstorming?

Brainstorming significa tempestade cerebral ou tempestade de ideias. É uma expressão inglesa formada pela junção das palavras “brain“, que significa cérebro, intelecto e “storm“, que significa tempestade.

É uma dinâmica de grupo usada para resolver problemas específicos, para desenvolver novas ideias ou projetos, para juntar informação e para estimular o pensamento criativo.

E como funciona a dinâmica do Brainstorming? É bem simples, escolhe-se um assunto, cronometra um tempo e dentro do tempo estabelecido o grupo ou individuo precisa elaborar o máximo de ideias em relação ao assunto proposto.

Tudo certo até aqui?

Vamos agora aprender como fundir as duas técnicas para usá-las para revisar e ampliar seu aprendizado em qualquer assunto relacionado ao seu concurso.

Percebeu que é para REVISAR? Ou seja, não adianta tentar usar a técnica se você não estudou o assunto anteriormente.

Pois ela consiste em treinar seu cérebro para acessar o maior número de informações referentes ao assunto, conforme o tempo previamente estabelecido.

A melhor maneira de aprender é colocando em prática.

Vamos dizer que você quer revisar a parte de SINTAXE da gramática da língua portuguesa.

Ao escolher o assunto determine um tempo para elaborar seu mapa mental, buscando relembrar o maior número de conceitos ou termos dentro do assunto.

Como a sintaxe é muito extensa, vamos escolher um assunto dentro dela.

Que tal ORAÇÃO e seus elementos: essenciais, integrantes e acessórios?

Pegue uma folha de papel e faça o seguinte enunciado.

Conteúdo: Gramática – Sintaxe

Assunto: Oração

Tempo: 5 minutos

map

Quanto menor for o tempo maior a sensação de desafio para seu cérebro. Essa dinâmica vai causar uma adrenalina boa para seu conhecimento.

Percebeu que no meu mapa coloquei apenas os termos. Agora você pode completar esse mapa usando a mesma dinâmica para escrever o conceito de cada um.

Coloque em prática na sua rotina de estudo e sinta seus resultados melhorarem gradativamente.

 

Grande abraço, bons estudos.