Concurso TRT, Descubra tudo sobre o Certame. Cargos disponíveis, Remuneração, e Detalhes sobre a Prova

Um dos certames mais esperados, o Concurso TRT mobiliza milhares de concurseiros do Brasil todos os anos. Saber o motivo de tanta agitação? Sabe mais ou menos? Bom, vamos sanar todas as dúvidas nessa leitura.

O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) é um órgão que faz parte da Justiça do Trabalho do Brasil, que trabalha em conjunto com o tribunal Superior do Trabalho e as Varas do Trabalho.

Em geral, no é TRT que ocorre à segunda instância na tramitação de um processo trabalhista.

Este órgão tem a competência de julgar casos de ações rescisórias, mandados de segurança, dissídios coletivos entre outros processos de natureza trabalhista.

Atualmente, há 24 TRTs divididos pelo território nacional. A área de jurisdição corresponde aos limites territoriais de cada estado.

Saiba mais sobre o concurso do TRT

CONCURSO TRT

O concurso TRT é conhecido por ser muito concorrido, sempre muito aguardado por aqueles que desejam realizar o sonho de serem servidores públicos.

Um dos principais motivos da alta concorrência é que os candidatos enxergam a possibilidade de constituir carreira em uma das instituições mais estáveis e sérias do país e que faz parte do Poder Judiciário Federal.

Além da estabilidade do órgão, o salário também chama bastante atenção. Por isso, para obter a aprovação é preciso estudar bastante.

No certame, são oferecidas vagas para cargos de nível Médio, Médio com curso técnico e nível Superior de diversas áreas de formação.

As vagas são oferecidas tanto para posse imediata quanto para a formação de cadastro reserva.

Isso quer dizer que candidatos habilitados, mas não classificados podem ser chamados e empossados durante a vigência do concurso.

Os principais cargos do Concurso TRT

cargos no TRT

Para o Ensino Médio, o cargo mais frequentemente disponibilizado é o de Técnico Judiciário (Área Administrativa) em que o profissional vai ter entre suas atribuições prestar apoio administrativo, técnico e executar tarefas de apoios à atividade judiciária.

A média salarial para os cargos de Ensino Médio, incluindo as gratificações e benefícios, é de R$ 6.500,00.

Mas também, os TRT´s abrem vagas para diversos cargos de Nível Superior, os principais são:

  • Analista Judiciário: requer graduação em Direito;

  • Analista Judiciário com especialidade Execução de Mandados: requer graduação em Direito;

  • Analista Judiciário (Área Administrativa): requer curso Superior (Diversas Áreas de Formação) em Instituição de Ensino Superior reconhecida pelo Ministério da Educação – MEC. Outra exigência para esse cargo é ter habilidade para digitar. Assim, se você deseja ser um analista da área administrativa do TRT é bom ir treinando também a digitação.

A média salarial para os cargos de Ensino superior, incluindo as gratificações e benefícios, é de R$ 12.000,00.

Em relação à jornada de trabalho, são previstas 40 horas semanais, ou seja, 8 horas por dia. Contudo, o horário de entrada e saída pode ser flexível, variando conforme o setor da lotação.

Como é a prova do Concurso TRT

Concurso do TRT

A prova objetiva do Concurso TRT pode ter uma pequena variação de proposta conforme a Banca Examinadora que realizar o concurso.

Grande parte dos certames são realizados pela Fundação Carlos Chagas FCC, que comumente faz provas com 60 questões objetivas de múltipla escolha, sendo cinco alternativas (A,B,C, D, E). Essas questões se dividem em 20 de conhecimentos gerais e 40 conhecimentos específicos.

Na parte de conhecimentos gerais, estão inclusos conteúdos de Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico-matemático e Regimento Interno. São assuntos que possuem o peso de um ponto.

Já a parte de conhecimentos específicos, que se constitui na maioria das questões, o conteúdo abordado varia de acordo com o cargo a ser disputado.

Em geral, compreende assuntos como o Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Processual do Trabalho e Direito do Trabalho para cargos de nível superior e noções de direito para cargos de nível médio.

Há ainda a prova discursiva do Concurso TRT, que pode ser redação ou estudo de caso, a depender do cargo escolhido.

Na prova de redação, o candidato precisa desenvolver um texto dissertativo a partir de uma proposta de interesse geral.

Em contrapartida, no estudo de caso, são apresentadas duas questões em que o candidato deve mostrar conhecimento jurídico e argumentação coesa e coerente.

A prova deve ser realizada no tempo máximo de 4h e 40 minutos.

Como estudar para Concurso TRT 2018

COMO ESTUDAR PARA O CONCURSO DO TRT

Em alguns estados, os editais para o Concurso TRT já foram lançados e em outros q expectativa é que as inscrições sejam abertas ainda no primeiro semestre.

No Rio de Janeiro, por exemplo, as inscrições para o concurso TRT RJ 2018 vão até o dia 19 de abril.

Por isso, é comum as pessoas procurarem cursinhos preparatórios ou até mesmo estudar em casa.

Muita gente já está se preparando desde o ano passado. Então, se você ainda não começou a estudar, o ideal é iniciar o quanto antes.

Afinal, este é um dos concursos mais esperados e concorridos devido à remuneração e os benefícios que citamos acima.

Se você não sabe como começar a estudar para o Concurso TRT, preparamos algumas dicas. Confira:

1.Analise as provas anteriores

Ao fazer uma análise do que caiu nos certames passados, é possível identificar os temas que são abordados com maior frequência e, dessa forma, direcionar os estudos e se preparar com maior segurança para a prova.

2. Busque conhecer o perfil da banca

É de extrema importância conhecer o perfil da banca que formula a prova, pois assim é possível identificar as preferencias em relação ao conteúdo cobrado.

3. Pondere cuidadosamente o edital

Leia o edital com cuidado, em especial em relação ao conteúdo programático cobrado para o cargo escolhido.

Além disso, no edital está tudo aquilo que se espera do candidato e os nortes que você deve seguir.

4. Faça um esquema de estudos

É muito importante ter uma rotina de organização em relação ao conteúdo que deve ser estudado.

Para isso, um bom planejamento é fundamental.

Coloque em uma tabela tudo aquilo que deve ser estudado e a disponibilidade de horário que você tem. CLIQUE AQUI E APRENDA A FAZER UM CRONOGRAMA DE ESTUDO

Dessa forma, vai ficar mais fácil colocar meta de estudos para estudar o máximo de conteúdos antes da prova.

5. Estude com materiais atulizados

Um ponto importante da sua preparação que não pode ser negligenciado são os materiais que escolhe para estudar. É muito importante que seus materiais sejam atualizados. Principalmente as matérias de direito que estão em constante atualização.

Se você tiver dúvidas sobre materiais de estudo, entre aqui que tem um conteúdo para você tirar todas suas dúvidas. E caso você precise de uma referência de material para adquirir, vou deixar AQUI

6. Mantenha uma rotina de estudo

Após fazer o planejamento do que precisa ser estudado, é essencial manter uma rotina de estudos diária.

Uma boa maneira de manter suas metas sempre em dia é estudando por Ciclos. Opa, você ainda não sabe o que é estudar por ciclos? Então, clique aqui e saiba mais sobre.

O mais recomendado é separar pelo menos duas horas do seu dia para se dedicar para estudar para o Concurso TRT.

Agora que você já sabe o que compreende o Concurso TRT, siga nossas dicas para ser aprovado e obter todos os benefícios de um dos cargos mais cobiçados do Brasil.

PS: Se você deseja sair na frente dos seus concorrentes, estude com os métodos de estudo de quem já foi aprovado em diversos concursos públicos. Conheça o treinamento Acelere sua Aprovação.