Como Estudar para Concursos, tudo que você precisa saber para garantir a sua aprovação!

Como estudar para Concursos? Talvez você assim como eu, durante a vida de estudante, não aprendeu como estudar para ser aprovado em um concurso. 

Mas fique comigo até o final que coloquei aqui pontos que vão te nortear na sua busca pela aprovação.

Como estudar para concursos

O ano de 2018 está “pipocando editais” foram muitos abertos no primeiro semestre, e muitos outros estão previstos para o segundo semestre e inicio de 2019.

E claro, você deseja conquistar uma vaga ainda este ano, então preparei nesse post tudo que você precisa para começar bem ou dar continuidade na sua preparação.

 

O segredo que seu amigo aprovado não te contou de como estudar para concursos

De uns dias para “cá” parece que todo mundo tem a “fórmula mágica” para passar em concursos públicos.

Quem nunca ouviu falar da filha da tia do vizinho, do vizinho da tia, da fulana que mora na “Concursolândia”, que passou para Polícia Federal Estudando apenas um mês.

Durante minha jornada em concursos, cansei de escutar:

Você ainda não passou? Mas o fulano que nem estudava já passou!

Larga a mão disso! Esses concursos são cartas marcadas, se você realmente quer passar tem que fazer amizade com um político forte...

Escutei tanto essas frases que parei de responde-las. Evitava o assunto concursos quando estava com pessoas que não eram concurseiras ou concursadas. 

Com a popularização da internet aumentaram as “histórias” dos super aprovados nos melhores cargos federais.

Outro dia um rapaz chegou falando que iria estudar para Polícia Rodoviária Federal, então eu disse: que bacana, pega firme que o concurso deve sair em breve.

Então, ele me disse: “Não professor, vou usar o método do Fulano que vi no YOUTUBE. O cara passou estudando apenas uma semana, só que ele disse que estudou feito louco, o máximo que dava.

Minha primeira reação foi dizer: isso é impossível, tem alguma coisa errada aí! Mas ele continuou afirmado que era verdade com um ar de decepção para comigo.

Nesse caso, não quis entrar em discussão, mas fui pesquisar sobre a tal técnica de aprovação em 1 semana.

O certo é que não encontrei o vídeo. Provavelmente não exista essa técnica. Quem souber de algo parecido me envie por e-mail por favor. 

Se não existe a fórmula mágica, como explicar que alguns continuam passando em concursos, enquanto outros passam anos estudando sem conseguir uma única aprovação?

Isso é fácil de responder professor, são poucas vagas, ou seja, não tem vaga para todo mundo. Por isso uns passa e outros continuam na fila.

Nisso eu concordo, não tem vaga para todos! Porém, esse fato não explica o motivo de algumas pessoas passarem em vários e outros não conseguirem passar em nenhum.

São muitos os fatores que levam um candidato a reprovar em concursos públicos, entre eles estão:

  1. a falta de preparo,
  2. estudar errado,
  3. materiais de baixa qualidade,
  4. ansiedade,
  5. nervosismo,
  6. eventos naturais e outros atípicos que podem eliminar o concurseiro mesmo antes da prova.

Agora vamos falar o segredo de quem passa em mais de um concurso. Na verdade, nem é mais tão segredo assim.

Os concurseiros de sucesso aprenderam ou desenvolveram estratégias e métodos de estudos focados em concursos.

Eles seguem um passo a passo que é padrão para o aprendizado acelerado.

Professor, quer dizer que existe mesmo a técnica de aprovação? Sim ela existe, mas NÃO é aprovação em UMA SEMANA.

Pelo contrário, esses métodos e estratégias requerem esforço para serem aprendidos. O BOM é que qualquer um pode aprender e melhorar seu rendimento em concursos.

 

Como conseguir informações relevantes para sair na frente da concorrência?

Já pensou você aplicando conhecimentos simples que cerca de 92% dos concurseiros não aplicam para conseguir sua aprovação?

Nesse e-mail preparei algumas dicas e técnicas que você pode utilizar para sair na frente de toda essa galera, assim você vai fazer parte do grupo dos que disputam uma vaga imediata em concursos públicos.

Mas lembre-se: Como toda e qualquer receita que funciona, tudo que vou ensinar aqui, exige de você dedicação.

Estou te lembrando disso, pois durante muito tempo tive o hábito de passar horas lendo ou assistindo aulas incríveis, porém não aplicava nada daquilo.

Ou seja, estava mesmo perdendo o meu tempo, não só o tempo, mas também o meu dinheiro, pois muitos materiais eram pagos.

Como disse Fhelippe Thomas – O conhecimento sem prática, não é conhecimento.

Por outro lado, o professor Pierluiggi Piazzi diz que a aprendizagem verdadeira só acontece mesmo no momento em que você está praticando. 

Então, faça um compromisso com você, estude e aplique o conhecimento adquirido ainda hoje. Não deixe para testar amanha ou na próxima semana.

Agora, vamos as estratégias e técnicas que todo concursado usou para conseguir a aprovação.

A primeira delas é tão básica que a maioria sabe, porém não faz. LEIA O EDITAL DO SEU CONCURSO, nele está todas as informações importantes sobre o certame.

Mas professor o edital é muito grande!!! Bom, você não precisa ler todo o EDITAL, basta ler o necessário. E nesse E-mail vou te ensinar a fazer isso.

 

Pontos importantes para se ler em no Edital.

1 – Requisitos para a inscrição no concurso público. Aqui contém todas as regras que você precisa saber para efetuar sua inscrição sem a preocupação de ser indeferida.

2 – Cargos e vagas imediatas ofertadas. Nesse item você vai saber quais são os cargos disponíveis, quais os requisitos o candidato possuir para tomar posse se aprovado, quantas vagas tem para o cargo.

Alguns editais distribuem as vagas por localidade, o que te obriga a ser um bom estrategista logo no momento da inscrição.

3 – Provas. É muito importante, pois aqui você saberá o tipo de prova (Objetiva / Discursiva/ Oral/ Didática), a quantidade de questões por matérias e quantos pontos vale cada questão. Saberá também quantas etapas avaliativas terá o concurso.

O item provas é fundamental para você começar a montar suas estratégias de estudo. Pois uma vez sabendo o tipo de prova e o peso de cada questão, você já pode determinar as matérias que serão prioridades para seu estudo.

4 – Cronograma. Aqui você vai saber as datas e horários de todas as etapas do concurso. Parece coisa simples, mas sempre vejo candidato eliminado por perder o horário ou confundir as datas da prova.

5 – Conteúdo programático. Vale apena ler com muita atenção, pois tudo que você precisa saber para estudar está nesse item.

Alguns Editais facilitam a vida do concurseiro especificando exatamente os artigos ou capítulos de livros que serão cobrados na prova. Sabendo disso você economiza muito tempo de estudo.

Bom agora você já sabe, a melhor fonte de informação sobre o seu concurso é o Edital de publicação do mesmo.

 

Quais formatos de materiais são mais eficazes?

Olá, como combinado, hoje vamos falar do segundo assunto muito importante para você montar suas estratégias para passar no concurso dos seus sonhos.

Mas antes de falar dos materiais, quero tirar uma dúvida que surgiu do assunto passado.

Mas professor, se o meu concurso ainda não foi publicado o que você deve fazer?

Isso é bem simples, você montar suas estratégias de estudo baseando-se no edital anterior (mais recente).

Ai, surge outra dúvida, como faço para encontrar edital anterior? Já pensando nisso vou listar três sites para que você possa encontrar editais anteriores e ainda acompanhar o lançamento de novos concursos.

O Primeiro é o GRANCURSOS, um site focado na sua aprovação, por nele você encontra editais anteriores, vigentes e futuros, todos comentados por um especialista em concursos.

O segundo é o QCONCURSOS, que é um site especializado em concursos públicos, além de encontrar provas, editais e cursos preparatórios, ele também possui um banco de questões atualizadas

O terceiro deles é o PCICONCURSOS, aqui você encontra editais lançado em todo o país, seu diferencial é que nele você pode filtrar os concursos por região.

Agora chega de falar em informações e vamos ao assunto desse artigo que é sobre formatos de materiais ideais para aprender.

Você já deve ter ouvido de algum amigo concurseiro que o melhor é estudar por vídeo aulas.

Enquanto outro amigo diz que resultado mesmo tem quem estuda com manuais ou PDFs. Aí você não sabe o que fazer ou qual dos dois amigos você deve ouvir.

Seus dois amigos estão certos, no entanto isso funcionou para eles. Você tem seu próprio jeito de aprender e vou te ensinar a escolher os melhores formatos de matérias acelerar sua aprovação.

Escolher bons materiais é uma das chaves para sua aprovação. Um bom material didático focado no seu concurso pode representar um Ferrari para sua evolução.

Por outro lado, um material de baixa qualidade pode representar uma lata velha que sempre quebra na metade do caminho.

Mas como descobrir qual é minha Ferrari? Você descobre aplicando o seguinte teste abaixo.

Responda com sinceridade.

  1. Você mantém mais a atenção, ouvindo, assistindo ou lendo?
  2. Você sente-se mais confortável numa sala de aula ou estudando em casa por vídeo?
  3. Para ler você prefere materiais em PDF ou impressos (Livros, apostilas)?

Essas três questões vão te direcionar a escolher o melhor formato de material para estudar. Se é uma pessoa que gosta de ouvir use materiais em MP3.

Se já gosta mais de assistir, então vídeo aulas ou aulas presenciais é a melhor opção para começar a estudar.

Se é assim como eu, ama os livros, o melhor a fazer é adquirir materiais em PDF ou impressos.

SE VOCÊ NUNCA ESTUDOU para concursos o ideal é começar com o formato de material mais confortável possível para você. 

Se já estuda a algum tempo e estuda muito por vídeo aulas ou em cursos presenciais, recomendo que vá ocupando a maior parte do seu tempo de estudo com materiais escritos.

Descobrir o material que mais é confortável e prazeroso para estudar é a descoberta da primeira Ferrari. Mas para alcançar o próximo nível dos motores do aprendizado é necessário aprender através da leitura.

 

Como multiplicar seu aprendizado, mesmo com pouco tempo para estudar?

Olá, chegamos a nossa 3ª DICA, hoje vou te ensinar a otimizar sua aprendizagem e o melhor não vai precisar fazer nada de absurdo ou investir um rio de dinheiro para isso.

Como você já sabe eu comecei do zero, sem dinheiro e sem muito tempo para estudar.

Minhas rotinas eram realmente pesadas. Levantava cedo e dormia bem tarde para conseguir executar todas as minhas tarefas e estudar um pouco para concursos.

As noites que eu mais dormi eram as que conseguia dormir 5 horas.  Não recomendo ninguém dormir tão pouco assim.

Dormir pouco atrapalha na aprendizagem, isso é fato, mas na época não tinha escolha, mas valeu apena cada hora de esforço.

A falta de tempo não poderia ser uma barreira para meu sonho, não aceitava isso como desculpa, não aceitava isso como motivo para desistir.

Lembro sempre dessa frase: “Foque na solução e não no problema”. Meu problema era a falta de tempo, então eu precisava encontrar uma ou mais soluções para esse problema.

Pensei em várias possibilidades, inclusive sair do emprego. Nesse caso dormiria mais, porém de barriga vazia e debaixo da lona heheheh.

Então, comecei a fazer o que eu sabia melhor, ESTUDAR uma alternativa já usada por outras pessoas. Foi assim que comecei a estudar conceitos de administração de tempo. 

Li muita coisa, assisti algumas aulas, fiz vários testes e descobri que nem tudo é tão fácil como na teoria e que nem toda técnica era útil para minha realidade.

Então vou listar aqui 5 dicas fundamentais que aceleram minha aprendizagem mesmo tendo pouco tempo para estudar.

1 – Organizar meu quadro de horários, clique aqui para aprender a fazer o seu.

 

2 – Separar os conteúdos a serem estudados no dia de forma correlata (matérias que se complementam). Atualmente implementei a técnicas estudando por círculos de estudo.

 

3 – Organizar meu local de estudo. É muito importante você ter um cantinho de estudo, arejado e bem iluminado, isso ajuda seu cérebro a ativar os neurônios para a aprendizagem.

 

4 – Ouvir aulas em áudio durante o transporte para o trabalho e práticas de atividades físicas. Essa foi uma boa forma de revisar conteúdos em horários oportunos.

 

5 – Resolver questões nos horários de intervalo no trabalho.  Mais uma forma de revisar conteúdo e ainda descobrir as falhas na aprendizagem. Outra vantagem é que respondendo questões você aprende a conhecer as possíveis armadilhas das bancas examinadoras.

 

Acrescentar essas estratégias na minha rotina foram fundamentais, até mesmo, para conseguir dormir um pouco mais e não ter tanta atividade acumulada.

Pois passei a otimizar meu tempo em tudo, casa, trabalho e faculdade.  Durante um tempo, consegui um rendimento de 9 horas a mais de estudo por semana.

Então, pegue essas dicas e coloque em prática, e verifique se seu rendimento melhorou ou não. 

TESTE por UMA SEMANA, depois volte aqui para falar como está sendo, quero te ajudar com a tomar posse o mais breve possível.

 

Aprenda mais rápido e melhor com essa super ferramenta de aprendizagem acelerada

Você que busca estudar de forma inteligente para concursos públicos vai ouvi falar muito sobre mapas mentais e até encontrar muitos prontos na internet.

Os mapas mentais são comprovadamente um acelerador da aprendizagem.

Porque eles seguem uma linha de pensamento baseadas na forma que nosso cérebro arquiva as informações.

Eles foram sistematizados e divulgados pelo inglês Tony Buzan, um estudioso do cérebro, melhor dizendo, de como o cérebro aprende.

Essa é uma das ferramentas mais usadas para aprendizagem verdadeira, que é muito diferente de apenas memorizar.

Muitos dos meus seguidores questionam que os mapas mentais demoram muito para serem feitos e por isso sentem que não estão evoluindo no conteúdo.

Assim eles preferem pegar mapas mentais prontos, feito por seus professores, dessa forma pensam que só estão estudando o necessário para evoluir mais rápido no conteúdo.

Infelizmente estão cometendo DOIS ERROS GRAVES que os afastam da aprendizagem verdadeira e mais rápida. 

O primeiro erro é achar que ir mais rápido, é estudar grande parte do conteúdo de uma vez. Quando, na verdade, ganha tempo quem precisa voltar menos vezes para revisar.

Vamos concordar que uma vez que você aprende de verdade algo não precisará ficar revisando o mesmo conteúdo sempre.

O segundo erro é optar por mapas mentais prontos. Não que sejam totalmente ruins, eles ajudam bastante, mas você corre o risco de não desenvolver a aprendizagem eficiente do conteúdo.

Ou seja, você que só pega mapa mental pronto, vai estar recebendo um conteúdo comprimido segundo a visão do autor do mapa e isso pode não ser informação suficiente na hora da prova.

Agora se você deseja aprender mais rápido e melhor, então comece a elaborar seus próprios mapas mentais. 

Ao fazer isso você estará ganhado conhecimento sólido do conteúdo estudado e ainda ampliando seu raciocínio lógico. 

Pois, desenvolver os mapas mentais aumenta a plasticidade cerebral, o que aumenta sua capacidade de aprender cada vez mais e mais rápido.

E os benefícios não param por aí, os mapas mentais também são excelentes para revisar o conteúdo de maneira dinâmica e eficiente.

Por isso, recomendo: Faça mapas mentais, eles são potentes para uma aprendizagem verdadeira.

Se você nunca estudou utilizando essa técnica ou deseja aprimorar o que já sabe sobre os mapas mentais, então separei um passo a passo para você aplicar essa técnica nas suas rotinas de estudo.

Clique aqui para aprender a fazer mapas mentais potentes!!!

Bom, não fique apenas na leitura, coloque em prática todo o aprendizado desse post. Se você deseja ter um resultado diferente, então é preciso agir de imediatamente. Não deixe para depois, faça o teste por 7 dias  e mensure seu desenvolvimento. 

Agora você sabe a importância de estudar com qualidade, por isso quero te convidar para conhecer o Método Acelere a Sua Aprovação, o qual tem sido responsável pelo sucesso dos meus alunos em concursos públicos, muitos já tomaram posse e outros aguardam a nomeação.

Clique aqui e venha aprender estratégias e técnicas de estudos que vão mudar sua história em concursos públicos.

O que eu mais quero é ver você TOMANDO POSSE no concurso dos seus sonhos o mais rápido possível.