Cargos públicos menos concorridos, aumente suas chances de aprovação!

Cargos públicos menos concorridos


Os Cargos Públicos menos concorridos, aumentarão as suas chances de aprovação, mas para optar por isso você terá que seguir na contramão da maioria dos concurseiros. Mas também contribuirá para que você se dê bem no seu primeiro concurso e alcance sua primeira aprovação o quanto antes.

Por que na contramão? Bom, a grande maioria dos concurseiros iniciantes seguem o fluxo, vão para onde os anúncios são mais empolgantes. Em outras palavras, concursos com mais vagas ou que recebem mais destaque na mídia e nos anúncios dos cursos preparatórios.

Por isso nesse post você poderá experimentar uma nova visão sobre o mundo dos concursos públicos e descobrir vagas com ótimos salários iniciais e que são poucos concorridas, justamente, por não estarem nos holofotes ou no ROLL da FAMA dos cargos públicos mais requisitados.

Falando de FAMA, nós gostamos dela, gostamos de ter notoriedade, sermos reconhecidos pelos nossos feitos. E não tem nada de errado nisso, salvo quando esse sentimento de ter destaque o impeça de aproveitar boas oportunidades que a vida venha lhe oferecer.

Muitas vezes alguns cargos públicos são deixados de lado por não receberem o destaque merecido. Tem concurseiro que nem se atreve a saber um pouco mais sobre o cargo, já vai julgando pela opinião dos outros. Assim o cargo acaba tendo poucos candidatos e os preparatórios não se motivam a divulgar e preparar cursos para esses cargos.

Isso também ocorre quando oferecem apenas 1 vaga o que já afugenta muitos concorrentes. Ou seja, poucos ficam sabendo e outros tem medo de encarar.  Na sua maioria das vezes essas vagas são disputadas por candidatos da própria localidade.

Logo vou  explicar mais sobre como você aumenta suas chances garimpando esses cargos.

Porém, antes vou falar do principal erro que 97% dos principiantes em concursos comentem, dificultando a aprovação. Na verdade, a maioria desiste dos concursos depois da primeira prova, simplesmente por terem começado errado.

ERRO que 97% dos principiantes em concursos comentem.

Você já deve ter ouvido dizer que fazer o que todo mundo faz, no mínimo vai te trazer resultados iguais os da maioria, ou seja, reprovam ou se classificam lá no final da fila, com esperanças mínimas de nomeação.

Isso acontece porque só ESTUDAM quando abrem editais para grandes concursos como INSS, PRF, PF entre outros concursos com destaque NACIONAL. Esses concursos são muito concorridos e existem candidatos se preparando para eles muito antes do edital abrir.

Então você que começou a estudar depois que o edital foi publicado para os referidos concursos tem menor probabilidade de ser aprovado.  Isso não significa que não pode ser aprovado, somente estou dizendo que suas chances são reduzidas.

Por outro lado, esses concursos de grande destaque costumam chamar bem mais que o número de vagas oferecidas.  Mas, mesmo assim, você tem que tirar uma nota excelente para ter esperança de classificação no cadastro reserva.

Agora vamos fazer um paralelo com as artes marciais. Se você é um faixa branca sem experiência anterior em outra arte, as chances de você superar um faixa Vermelha é mínima, se for contra um faixa preta aí que sua chance é mínima das mínimas.

Se você está começando em concurso, 1 ou 2 meses de estudo, é considerado um faixa branca para concorrer aos cargos federais de grande destaque. E nesses cargos você estará concorrendo com milhares de faixas pretas (2 anos ou mais de estudo específico para o cargo) e uma dezena de milhares de faixas vermelhas (1 até 2 anos de estudo específico para o cargo).

Está assustado(a) com os números? Basta pegar o último concurso do INSS – 2016, no qual para a cidade de PORTO ALEGRE teve 10.000 inscritos para concorrer uma única vaga de Técnico Administrativo.

Se liga nos números da PRF 2018, que só no Estado de Minas Gerais teve 9.510 inscritos disputando apenas NOVE VAGAS.  Isso representa uma concorrência geral de 1.056 concorrentes por vaga. Você há de concordar comigo que é uma concorrência enorme.

É por esse motivo que você tem que pensar de maneira estratégica, quando há a necessidade de ser aprovado em menor tempo. Assim você pode usar um cargo trampolim para garantir tempo e recursos financeiros que te prepararão melhor para concorrer os cargos de grande expressão no nível federal.

Como começar ganhando de 2 a 6 mil reais em concursos públicos.

Saber escolher um cargo já é 40% a mais de chances de aprovação, por isso vou te mostrar aqui como escolher um cargo menos concorridos usando cálculos simples, baseados em concursos anteriores.

Como eu disse anteriormente, existe um monte de cargos públicos em órgão de menor expressão a nível Estadual e Municipal que pagam bem e são poucos concorridos.

Ou seja, mesmo com pouco tempo de preparação você terá maiores chances de aprovação, concorrendo de igual com outros candidatos que também são faixas brancas ou verdes ou laranjas.

Quando abre um concurso para prefeitura ou para um órgão do Estado a grande maioria dos concurseiros correm para os cargos com maior número de vagas, agente auxiliar ou administrativo, técnico educacional e assistente educacional, os quais tem salário inicial de R$1.200,00 à R$2.100,00.

Mas os concurseiros iniciantes não fazem um cálculo básico, simplesmente seguem o senso comum que diz – “ONDE TEM MAIS VAGAS, TEM MAIS OPORTUNIDADES”.

Porém, você que está lendo esse post vai ser mais criterioso (a) na hora de escolher um cargo e não seguir qualquer maneira os ditos populares.

Pense comigo! Se um cargo abre 15 vagas e tem 1500 inscritos, então podemos dizer de forma geral que a concorrência é para esse cargo é de 100 candidatos por vaga. 

Por outro lado, se um cargo oferta apenas 1 vaga e tem 50 inscritos, então a concorrência é 50 candidatos por vaga.  Diminuiu pela metade o número de concorrentes, assim posso afirmar que você tem mais chances de aprovação para essa única vaga do que para as 15 previstas no cargo anterior.

Você sabe quanto ganha em média um FISCAL DE OBRAS, FISCAL DE MEIO AMBIENTE e FISCAL DE TBI? Esses cargos têm média salarial de R$ 2.800,00 e algumas prefeituras ainda pagam mais bônus de produtividade.

E muitas prefeituras são de nível médio ou técnico. E se você mora em uma região na qual tem muitas cidades, terá várias oportunidades de concursos públicos para esses cargos, entre outros que também são poucos concorridos.

Você sabe quanto ganha em média um FISCAL DE OBRAS, FISCAL DE MEIO AMBIENTE e FISCAL DE TBI? Esses cargos têm média salarial de R$ 2.800,00 e ainda pagam bônus de produtividade.

Em muitas prefeituras são de nível médio ou técnico. E se você mora em uma região na qual tem muitas cidades, terá várias oportunidades de concursos públicos para esses cargos, entre outros que também são poucos concorridos.

Mas professor, esses cargos que abrem mais vagas, também costumam chamar muito mais que o número de vagas, enquanto esses cargos que abrem menos não chamam tanto.

Isso é verdade, porém como já disse antes, ficar dentro do cadastro reservar em cargos mais concorridos exige uma nota muito maior.

Eu mesmo em 2014 fiz 79 pontos, média considerada alta na época, para o cargo de Assistente Administrativo para a Superintendência de Contratos e Licitações de Rondônia. 

Eram 14 vagas e fiquei na 37ª posição, foram convocados durante o período de vigência do edital até a 35 candidatos. Fiz pontuação parecida para o cargo de Assistente de Gestão e Negócios da Companhia de águas e esgoto, e nesse fui o 4ª colocado.

Os dois cargos ofertavam salários parecidos na época, só que o primeiro tinha a atenção da mídia e o glamour do órgão, já o segundo não foi tão divulgado assim, ou seja, menos concorrido.

Ter uma formação específica amplia suas oportunidades.

Imagem de robtowne0 por Pixabay

Se você ainda não fez um curso técnico ou nível superior, é bom começar um. E já fique de olho nos editais das PREFEITURAS, DETRAN´S, ESTATAIS, SECRETARIAS DE EDUCAÇÃO, INSTITUTOS FEDERAIS e UNIVERSIDADES.

Esses órgãos abrem diversas vagas especificas para formações técnicas e superior, o que já filtra bastante a concorrência.

Por exemplo: no último concurso da SEDUC-MT em 2017, para o cargo de Técnico Administrativo Educacional – Nível Médio houveram 93.318 inscritos concorrendo cerca de 998 vagas.

O mesmo concurso teve 45.620 inscritos para os cargos de nível superior concorrendo 3.324 vagas. Nem precisa fazer cálculos para saber qual foi mais concorrido, não é verdade?

Outro exemplo é os cargos de Analistas de órgãos como o DETRAN. Em 2015, o DETRAN/MT ofertou 8 vagas para Analista Pedagogo, salário atualizado R$ 5.800,00. As vagas foram distribuídas por localidade.

Concorri exatamente esse cargo, que na minha região teve apenas 153 inscritos para uma vaga, comparado com a concorrência da PRF, tivemos uma diminuição aproximada de 90% dos concorrentes.

Bom, fui primeiro colocado, com um saldo de 15 pontos na frente do segundo, na época estava concluindo minha graduação, e essa pontuação garantiu minha posição, mesmo com os pontos de pós e mestrado que meus concorrentes ganharam.

Agora você acredita em mim? Que existem cargos que facilitam sua entrada no mundo dos estabilizados?

Então, se você está precisando de um emprego público urgente, pois o orçamento está apertado todo mês, não há problema em começar por um cargo trampolim. Passe, tome posse. Depois, continue estudando para aquele cargo dos seus sonhos.

Mas se você está com vida tranquila, não te falta recurso, e tem um bom tempo de estudo diário, continue focado no cargo dos seus sonhos. Não há motivos para ingressar em um cargo trampolim.

APRENDA MAIS SOBRE CONCURSOS

Melhor site para ficar por dentro de todos os editais, inclusive das cidades próximas de você.

PCICONCURSOS

Melhores blogs para aprender mais sobre o concurso que vai concorrer

01 – BLOG do GRANCURSOS

02- BLOG do ESTRATÉGIA CONCURSOS

ANDA PERDIDO(A) na imensidão de informações e conteúdos para concursos públicos, conheça o Método ACELERE e aprenda tudo que fiz para ser aprovado 6 vezes em cargos de Nível Médio e Superior. 

Vamos que vamos!

Forte abraço e bons estudos!